INSTITUTO DE PSICANÁLISE DO GEPCAMPINAS

Instituto de Psicanálise

O Instituto de Psicanálise é o órgão do GEPCampinas que coordena as atividades didáticas que têm por finalidade formar psicanalistas. Tais atividades compreendem, entre outras:

 

• Análise didática dos Candidatos à Formação Psicanalítica;

• Organização de seminários teóricos e seminários clínicos e supervisões oficiais;

• Instalação de Comissões formadas para apreciar os relatórios dos Candidatos visando sua qualificação segundo o

  Regulamento do Instituto.

 

 

O Instituto é composto pela sua Diretoria e pelos Corpos Docente e Discente. A Diretoria do Instituto de Psicanálise é composta por:

 

• Diretor do Instituto
• Secretário de Seleção
• Secretário de Currículo
• Secretário de Acompanhamento
• Secretário de Avaliação
• Secretário de Qualificação e Acompanhamento Didático
• 03 (três) representantes docentes
• 01 (um) representante discente.

Formação Psicanalítica

A Formação Psicanalítica está sendo oferecida a médicos e psicólogos graduados há no mínimo cinco anos, registrados nos respectivos Conselhos Regionais. Para ser aceito como Candidato à Formação é necessário ser aprovado no processo de seleção descrito no Edital.

Plano de Formação

I. Análise Didática
Uma vez aprovado, o Candidato selecionado deverá iniciar sua análise didática em até 3 meses. A análise didática é uma análise pessoal realizada com um Analista Didata do Instituto de Psicanálise do GEPCampinas, ou seja, um analista qualificado para esta função. Esta análise, que acompanha toda a Formação, deverá ter a frequência mínima de quatro sessões semanais de 45 (quarenta e cinco) ou 50 (cinquenta) minutos de duração.

 

II. Seminários Teóricos e Clínicos
Esses seminários serão coordenados por professores do Instituto de Psicanálise do GEPCampinas e seguirão programa a ser definido pela Diretoria do Instituto. O programa de seminário só pode ser iniciado após o Candidato cumprir pelo menos 1 ano de análise didática.

 

III. Supervisões
Durante a Formação, o Candidato deverá atender em análise dois pacientes adultos, com a frequência mínima de quatro sessões semanais. Cada um desses atendimentos será objeto de supervisão com um supervisor de livre escolha do Candidato entre os Analistas Didatas do Instituto de Psicanálise do GEPCampinas (excluindo seu próprio Analista Didata); as supervisões não podem ser simultâneas. Cada supervisão terá a duração mínima de 80 (oitenta) horas, com um encontro semanal com o supervisor. Ao final de cada supervisão, o Candidato deverá apresentar um relatório dessa experiência. O relatório será apreciado por uma Comissão organizada pela Diretoria do Instituto que discutirá com o membro Candidato o seu relatório, aprovando-o ou não. Quando aprovado, o Candidato apresenta-lo-á em um seminário clínico coordenado por um Analista Didata, de preferência o Supervisor do Candidato. A segunda supervisão somente poderá ser iniciada após o seminário clínico da primeira supervisão.

Título

Uma vez concluídas as obrigações curriculares, e tendo sido nelas aprovado, o Candidato será qualificado pela Diretoria do Instituto como Psicanalista.

Seleção de Pretendentes
Saiba mais sobre o regimento interno do Instituto de Psicanálise do GEPCampinas
 

Saiba mais sobre o regimento interno do Instituto de Psicanálise do GEPCampinas

 

Maiores Informações na secretaria do GEPCampinas, ou pelo telefone: 19 3243-6166 - Falar com Lais.